icon-29VITicon-30VITicon-23VITicon-24VITarrow copy 3icon-11VITicon-19VITicon-10VITicon-30VITicon-26VITicon-22VITicon-14VITicon-28VITicon-09VITPage 1icon-03VITicon-16VITicon-31VITPage 1pinoicon-27VITicon-25VITicon-01VITicon-01VITicon-02VITicon-04VITicon-13VITicon-12VITicon-18VITicon-08VITicon-17VITicon-05VITAtivo 1cardiomedlogoVITArtboard
exercícios em jejum
  • Cuide
  • Mova
Como funcionam os exercícios em jejum?

A prática de exercícios em jejum pode aumentar a queima de gordura e acelerar a perda de peso, mas exige alguns cuidados.

Amada por algumas pessoas e criticada por outras, a prática de atividade física com o estômago vazio ainda gera muitas dúvidas. Hoje vamos explicar como funcionam os exercícios em jejum, os seus benefícios e cuidados necessários.

É comprovado que a prática de atividade física faz bem à saúde, mas ainda resta muita dúvida sobre o exercício em jejum. Antes de começar a falar sobre esta nova ação é importante ressaltar que acompanhamento profissional é essencial para prevenir um possível mal-estar, como queda de pressão e hipoglicemia.

exercícios em jejum

Exercício em jejum funciona mesmo?

Especialistas indicam que treinar em jejum realmente acelera a perda de peso e queima a gordura mais rapidamente, contudo nem todo organismo está preparado para essa prática.

Ao praticar atividade física com o estômago vazio, o organismo não tem a glicose disponível no sangue para servir como fonte de energia durante o exercício. Para obter a energia necessária, o corpo vai utilizar a gordura como uma fonte rápida, resultando assim na queima de gordura e perda de peso.

Vale lembrar que você precisa estar, pelo menos, 6 horas sem se alimentar para ser considerado jejum.

 

Cuidados

Parece que exercício em jejum é a solução para quem quer diminuir a taxa de gordura no corpo e perder alguns quilos, certo? Não é bem assim. Como já falamos, enquanto alguns profissionais adotam esta prática como forma de perder peso rapidamente, outros consideram a ação arriscada.

Outro ponto a se levar em questão é que essa prática não queima apenas gordura, como também as proteínas dos músculos. Se não tiver um fornecimento de carboidrato antes do treino, o organismo automaticamente utiliza a proteína presente nos músculos para fornecer combustível, reduzindo a proporção de massa magra no corpo.

A falta de alimentação antes da atividade física provoca fraqueza e indisposição, podendo até fazer com o que seu rendimento no treino caia, ou seja, menos calorias gastas.

Também tem a questão do pós-treino. Quem se alimenta antes do exercício tem um pós-treino mais efetivo e com mais resultados, com o corpo estimulando a queima de gordura ao longo do dia.

O método de exercício em jejum também pode afetar a saúde de quem o pratica. A falta de comida pode levar a um quadro de hipoglicemia que é quando a quantidade de açúcar no sangue cai drasticamente. Esse fato pode provocar algumas sensações de mal-estar, como dor de cabeça, fadiga, tontura, enjôo, náusea e até desmaio.

Como começar a se exercitar

Então, quem pode praticar esse tipo de exercício?

exercícios em jejum

Praticar exercício físico em jejum é uma ação muito utilizada por atletas de alta performance, como os fisiculturistas. Como estas pessoas possuem um preparo físico muito acima da média, os resultados com este tipo de atividade é mais possível.

Se você for sedentário ou então praticar atividade física leve ou moderada e quiser fazer este tipo de modelo, não se esqueça de procurar acompanhamento médico, nutricional e de um preparador físico para não ter problemas de saúde. Afinal, dependendo do tipo de treino e plano alimentar proposto você diminui os riscos de queimar músculo.

 

Como é o treino?

exercícios em jejum

Só existe uma condição para escolher o exercício ideal para praticar em jejum: você já deve ser praticante dele. Ou seja, se o seu corpo é condicionado a fazer corrida, ela pode ser feita com estômago vazio.

A melhor intensidade para fazer um treino em jejum é a moderada. Assim, o organismo consegue manter a queima de gordura mesmo depois do término do exercício.

A prática de atividade física em jejum não tem um prazo de validade. Se o seu corpo se adapta à este modelo e você se sente bem, esta pode ser uma rotina diária. Porém, voltamos a ressaltar a importância da supervisão e acompanhamento profissional. Assim você obtém o melhor rendimento possível e manter a saúde em dia.

Como comer bem gastando pouco

Se não gosto de exercício em jejum, o que posso fazer?

Para quem não se sente bem praticar atividade física sem se alimentar, pode apostar em outras formas de exercícios. Uma das melhores formas de perder a gordura e manter a massa muscular é com uma alimentação saudável e rotina de exercício.

Apesar de ser um processo mais lento, a prática de atividade física aliada à uma alimentação balanceada é uma forma saudável de queimar gordura.

Você já praticou exercícios em jejum? Conte para a gente como se sentiu, a diferença que teve no seu corpo e a disposição no momento do treino. E se quiser mais dicas de como manter alimentação saudável e atividade física, acesse o nosso blog.

 

Vitao

Newsletter

Descubra com a gente uma vida nova e cheia de sabor.

  • 42
    pessoas gostaram disto

COMPARTILHE

Deixe o seu comentário

Todos os campos são obrigatórios *

01 Comentários

  1. Joaquim

    abril 3, 2018
    Ótimo artigo, esclareceu algumas dúvidas que tinha sobre jejum intermitente.