icon-29VITicon-30VITicon-23VITicon-24VITarrow copy 3icon-11VITicon-19VITicon-10VITicon-30VITicon-26VITicon-22VITicon-14VITicon-28VITicon-09VITPage 1icon-03VITicon-16VITicon-31VITPage 1pinoicon-27VITicon-25VITicon-01VITicon-01VITicon-02VITicon-04VITicon-13VITicon-12VITicon-18VITicon-08VITicon-17VITicon-05VITAtivo 1cardiomedlogoVITArtboard
  • Coma
Jantar saudável o que comer ou não à noite

Uma alimentação equilibrada é essencial durante o dia inteiro. Vamos saber mais como se alimentar no período da noite?

Quem está procurando uma vida saudável e equilibrada precisa cuidar do seu cardápio alimentar durante todo o dia. No período noturno, os cuidados com a alimentação precisam ser redobrados, já que durante a noite o metabolismo trabalha mais devagar. Por conta disso, errar no consumo dos alimentos no jantar podem provocar aumento de peso e atrapalhar o sono.

Com o metabolismo lento, tente evitar comer doces e carboidratos refinados em excesso durante o período noturno. Estes alimentos elevam o nível de glicose no sangue rapidamente, dando uma sensação de fome antes do tempo.

Prefira pratos mais leves e tente evitar alimentos gordurosos e de difícil digestão, como carne vermelha, queijos amarelos e bebidas ricas em cafeína. Estes ingredientes demandam mais energia do organismo que já está trabalhando com o metabolismo de forma mais lenta.

O que comer à noite

Para o período noturno, o ideal é incluir no cardápio alimentos que ajudem no processo de relaxamento. Uma substância interessante de adicionar ao prato é o triptofano, importante para restabelecer o equilíbrio do organismo e melhorar a qualidade do sono. Este ingrediente pode ser encontrado em carnes magras, leites e iogurtes desnatados, nozes, banana, leguminosas e queijos brancos.

Vitamina B6 e o magnésio também são nutrientes que ajudam no relaxamento do corpo e são encontrados no frango, atum, cereais, semente de gergelim, tofu, soja, caju e tomate. Aposte em algumas bebidas que auxiliam em uma boa noite de sono, como chá de camomila, suco de cereja ou um leite quentinho.

Carboidrato à noite é liberado?

Uma das principais lendas da alimentação saudável é que não se pode consumir carboidratos após às 18 horas. Este senso comum começou a ser difundido porque o carboidrato é responsável por liberar insulina, um hormônio que é menos metabolizado no período da noite. Contudo, este nutriente é essencial em todas as nossas refeições, inclusive no jantar, já que é o principal responsável por fornecer energia ao nosso organismo, podendo até queimar gorduras.

Mesmo que este alimento seja importante, é necessário prestar atenção qual tipo do nutriente você está consumindo. Os carboidratos complexos são a melhor opção, pois liberam de forma lenta a glicose no sangue, precisando assim, de menos produção de insulina. Entre os exemplos destes alimentos estão: cereais integrais, aveia, linhaça e outros. Saiba mais sobre as diferenças entre os carboidratos refinados e integrais.

Preste atenção ao horário

Para ter uma boa noite de sono, é essencial jantar cerca de 2 a 3 horas antes de dormir. Desta forma, o corpo tem tempo suficiente para fazer a digestão e se livrar da sensação de “barriga cheia”. Deitar logo após de uma refeição mais pesada, pode causar alguns desconfortos. Por exemplo: azia, gases ou queimação no estômago.

Exemplo de refeições leves e saudáveis para o jantar

  1. Sopa

Com poucas calorias, nutritiva e de fácil digestão, as sopas são uma boa pedida para o jantar. Preparadas a partir de legumes e verduras, este prato é muito leve e gostoso. Você também pode adicionar carboidratos complexos, como arroz e macarrão integral, e proteínas, como carne vermelha e frango.

  1. Carnes magras

Poderosas proteínas, as carnes magras, especialmente o frango e o peixe, são fontes de nutrientes e tem fácil digestão. Elas podem ser servidas acompanhadas de carboidratos complexos, hortaliças, vegetais e legumes.

  1. Omelete

Prática e rápida de fazer, a omelete é uma excelente opção de jantar. Além do ovo ser fonte de proteína e vitaminas, o prato pode ser combinado com recheios deliciosos e leves. Queijo branco, legumes e acompanhado de salada é um exemplo.

  1. Sanduíche Natural

Outra opção de refeição prática, saudável e rápida é o sanduíche natural. Só tome cuidado na escolha dos ingredientes. Prefira o pão integral que é um carboidrato complexo rico em fibras, e recheios leves, como queijo branco, peito de peru, salmão, frango, verduras e legumes variados.

Exemplo de refeições leves e saudáveis para a ceia

Além do jantar, também é interessante fazer um pequeno lanche – chamado de ceia – antes de ir se deitar. Esta pequena refeição é responsável por garantir a saciedade do seu organismo até o dia seguinte na hora do café da manhã.

  1. Salada de frutas

Para os amantes de doce, a salada de frutas é uma excelente opção. Afinal, além de leves, elas são ricas em vitaminas, minerais e antioxidantes. Você pode complementar esta sua ceia com um iogurte natural.

  1. Cookie integral

 

Antes de se deitar, você pode apostar em uma pequena porção de cookies integrais. Deliciosos e práticos, este lanche é rico em fibras e nutrientes.

  1. Frutas secas

Além de doces e deliciosas, as frutas secas são repletas de nutrientes, minerais e vitaminas. Elas também ajudam na absorção do triptofano e na produção de serotonina, hormônios importantes para o relaxamento do corpo e qualidade do sono.

  1. Oleaginosas

Ricas em triptofano, as oleaginosas – principalmente as nozes e castanhas – são fontes de gordura monoinsaturada, selênio e proteínas. Elas equilibram os níveis de colesterol no sangue, são aliadas na saúde do coração e ajudam na absorção de gordura no organismo.

 

E aí, já sabe como deixar o seu jantar mais saudável? Para saber mais dicas sobre como levar uma vida cheia de saúde e equilíbrio, acesse nosso blog e confira na loja online os produtos que a Vitao separou para você.

Vitao

Newsletter

Descubra com a gente uma vida nova e cheia de sabor.

  • 0
    Seja o primeiro a gostar disto

COMPARTILHE

Deixe o seu comentário

Todos os campos são obrigatórios *